sábado, 15 de outubro de 2011

Retornando às origens

Olá guris e gurias queridas!!

Cá estou eu novamente, retornando ao meu lar doce lar. Na bagagem, muitas coisinhas cute, mas nada tão valioso que se compare a oportunidade de conhecer mais um pedacinho deste maravilhoso planeta.






O que falar da cidade luz?

Paris é simplesmente maravilhosa!!
E, mesmo que eu postasse aqui milhares e milhares de fotos, nenhuma delas conseguiria descrevê-la tão bem.

Afinal, Paris é pura emoção. É ordem, harmonia, beleza, elegância.

Cabe perfeitamente no ditado que diz: "A primeira impressão é a que fica", já que tudo começa com a chegada.

Lá de cima, a vista é deslumbrante. O interior da França assemelha-se a uma gigante colcha de retalhos de tons outonais. Longas estradas asfaltadas recortam as plantações de alfazemas, lavandas e imensos parreirais.








Logo em seguida, avistá-se no horizonte, o primeiro sinal de que realmente estamos chegando no lugar desejado.
Já em solo francês, mais suspiros. Agora, pela arquitetura dos seus prédios maravilhosos. Todos semelhantes e muito bem conservados. O que difere um do outro são os parapeitos das sacadas, verdadeiros bordados feitos em ferro. Muito lindo.
















E as janelas? Puro romantismo. Todas exibem delicadas cortinas brancas em voil ou linho, com barrinhas em crochê, renda guipir ou broderi. A pitada de cor fica por conta das floreiras repletas de gerânios brancos, vermelhos ou cor-de-rosa, hortências, orquídeas, crisântemos. Detalhe: em pleno outono. Fico imaginando como deve ficar este visual, na época da primavera.


















Natureza exuberante. Digna de muitos cartões postais.








As famosas gralhas, aves da família dos corvos. Vi muitas delas por lá. Disputam lugar com os tradicionais pombos.

Uma experiência única, despertar com o seu inconfundível canto. Me senti personagem de uma história contada naqueles antigos livros infantis.





Na culinária, o sabor se mistura à beleza das fachadas dos seus restaurantes. Decoração rica em detalhes e bom gosto. Mas, o que me chamou mesmo a atenção foi o comportamento dos parasienses.

Aqui no brasil, todos falam ao mesmo tempo e cada vez mais alto. Lá, mesmo com os Pubs e restaurantes sempre lotados, todos falam baixinho, ninguém tem pressa. O que vale mesmo é desfrutar da boa companhia dos amigos ou familiares num saudável happy hour.







Os famosos macarrons coloridos.O delicioso strudel (torta de maçã)

E o tradicional crepe suzette.


Já, quando se trata de moda, para as francesinhas, menos é sempre mais. E quem impera por lá, é o famoso pretinho "básico". Elas adoram. Muiiiiiiito preto nas roupas e calçados. O detalhe colorido fica por conta dos lenços e echarpes.

Elegância e requinte sempre, até para andar de bicicleta. Aliás, é o que mais se vê por lá, além das vespas. São muito usadas para ir ao trabalho, para passear ou ir a festa.




Olha a elegância daquele francesinho parado em frente a loja.


Opss!! Uma intrusa passeando "à francesa". hehe


Uma cidade repleta de curiosidades...


Um carro com mão inglesa. Muito gentil, o motorista parou para a foto.Vale também um passeio de triciclo
ou numa luxuosa limousine. Esta aqui desfilava pelos bairros da cidade, transportando a futura noiva e suas amigas, numa divertida e diferente despedida de solteiro. Na foto não aparece, mas o automóvel estava decorado com um lindo bouquet de rosas.



Também pensei em postar aqui, as fotos dos famosos pontos turísticos que visitei: Versaillles, Sacré-Coeur, Notre-Dame, Champs-Elysées, a belíssima arquitetura do Arco do Triunfo ou a exuberante do rio Sena, entre tantos outros. Mas, esta foi a Paris que vi, que senti, que vivenciei. Já que, no meu ponto de vista, de nada vale um palácio ricamente decorado, se não sentirmos a essência do seu povo.




Na mala, trago as pequenas recordações do meu OUTONO EM PARIS e no coração, a certeza de que: Paris, je I'espère vous voir bientôt. Espero te ver em breve.

Fotos: Fernanda Eick

5 comentários:

✿ chica disse...

Que linda viagem,Fernanda e tantas são as recordações. E à medida que passarem os dias, mais e mais coisinhas lembrarás com saudades!!

beijos,tudo de bom,chica

Aumigos da Praça disse...

Uauuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu Très chic :))

Carla Regina disse...

Oi Fê!
Ô saudades de Paris,ainda ei de voltar,pelo menos mais uma vez...o que a gente sente quando conhece Paris é algo inexplicável,é quase uma sensação extra corpórea!
Amei,amei,amei aquela cidade,tudo de bom, menos a educação dos garçons, alguém precisa ensiná-los a como tratar com gentileza os clientes.E não é implicância minha não,conheço muita gente que concorda,e vc,o que achou? No mais,tudo maravilhoso!
Beijokas e uma linda semana!

Regina disse...

Pelas suas fotos, dá pra ver que foi um ótimo passeio.

É muito bom mesmo conhecer lugares nunca visitados antes. Se pudesse eu gostaria de conhecer cada pedacinho desse lindo planeta.
Eu não conheço a Europa, mas no mes passado estive no Canadá (Quebec e Montreal) e foi inesquecível conviver com outra cultura.

Fernanda, estou promovendo um sorteio de uma mandala feita pelas irmãs do atelie Bangalô Brasil. Gostaria de participar?

Margarete disse...

Oi Fê, ah! que delícia de viagem!
beijos.